Posted on: maio 29, 2020 Posted by: Samira Comments: 0

Sou brasileira, e portanto, minha língua materna é o Português. Comecei a aprender inglês “oficialmente” com 11 anos: fazia curso extra curricular, duas vezes por semana, com livro texto da escola. Não lembro o ano que terminei, mas acho que fiquei uns 6 anos estudando inglês dessa forma, até uns 17 anos.

Será que eu sabia falar inglês? Não lembro muito bem do meu nível mas devia ser o suficiente pra me virar. Fui aos Estados Unidos em 2012 e lembro de ter alguma dificuldade de compreender a velocidade do pessoal falando…

aprendendo-idiomas-amigos-ingles-frances.jpg

Photo by Startup Stock Photos from Pexels

Em 2014 fui morar em Dubai e aí era pra valer! Tive a sorte de arranjar logo um trabalho legal ter como parceiro diário de trabalho um colega inglês, hoje grande amigo. Ele era de Newcastle e tinha um sotaque fortíssimo.

No início do trabalho eu tinha dificuldade de concretizar verbalmente o que eu queria dizer. Uma coisa é pedir café e comprar bilhete de museu, outra é você ter reunião com chefe / cliente, explicar um conceito de trabalho, porque você tomou uma decisão. O Steve, esse meu colega, me ajudou muito, assim como outras pessoas com quem convivi. Mas sabe o que ajudou mesmo? A imersão. Ouvir o idioma, falado por diferentes “sotaques” diariamente.

Quando a gente fala de imersão, tem todo o aspecto cultural envolvido. É claro que você absorve muitas coisas quando mora num lugar, mas uma das principais vantagens da imersão, ao pensar no aprendizado de um idioma, é a audição. Você vai escutar o idioma todos os dias.

Pra mim a audição é a peça chave no aprendizado de idiomas. Pensa comigo: quando você era um bebê, como aprendeu a falar? Você tinha aula de vocabulário na prática (os pais que te apontavam e diziam “bola”, “mamãe”). Não teve gramática nem verbo to be. Depois você vai formalizar seu aprendizado estudando gramática na escola, mas você já é fluente muito antes disso.

Eu percebi isso claramente quando passei a estudar Francês. Mesmo sendo uma língua muito mais próxima do Português, tive resultados muito rápidos graças à imersão. Foi um processo muito diferente do Inglês. Levei de 6 meses à um ano para dominar o idioma. Tem muitos outros fatores que alteram essa conta: maturidade, idade, objetivos e a necessidade do momento. Mas o que ajudou novamente? escutar o idioma todos os dias.

Você só vai aprender a reproduzir um som se você já o conhece, se souber claramente o resultado que você tem que alcançar. É assim que começamos a falar. A dica é: escutarUma escuta ativa. Acho que se hoje eu fosse aprender um novo idioma, gastaria um 6 meses ou 1 ano só acostumando o ouvido. Escute tudo que puder! Música, série, filme, canais de youtube… coloque um fone de ouvido e preste atenção nos detalhes sonoros. Se puder viajar para o lugar e fazer uma imersão, melhor ainda!

Isso vale também pro aprendizado de música / instrumentos musicais. Mas isso é papo pra outro post!

Leave a Comment